Arquivo da tag: quantos gols o Santos fez contra Rogério Ceni

Santos ultrapassa Corinthians como time que mais fez gols em Rogério Ceni

Antes da segunda partida válida pela segunda fase de grupos da Libertadores deste ano contra o São Paulo, corintianos aproveitavam que seu time passava por um grande momento para dizer que poderiam chegar ao centésimo gol feito contra Rogério Ceni. Neste post aqui, já mostrava que, apesar de ter feito menos gols àquela altura que o rival, o Peixe tinha uma média contra o ídolo tricolor similar à da equipe paulistana. O Corinthians havia marcado 94 vezes contra Ceni, em 65 partidas disputadas, média de 1,446. Uma vantagem milimétrica contra os peixeiros, que tinham feito 88 tentos em 61 pelejas, média de 1,44.

Mas naquela partida o São Paulo superou o Corinthians por 2 a 0. No primeiro turno do Brasileiro, ambos voltaram a se enfrentar, empate em 1 a 1. Ou seja, agora o Corinthians baixou sua média, tendo feito 95 gols em 67 partidas, 1,41 tentos por peleja.

Já o Santos enfrentou o Tricolor quatro vezes desde aquela ocasião. Uma no primeiro turno do Brasileiro, única derrota da série, 3 a 2 no Morumbi, e três triunfos seguidos: 3 a 0 no segundo turno do Brasileiro e um duplo 3 a 1 na Copa do Brasil. Como Renan foi o arqueiro tricolor na partida do segundo turno do Brasileirão, foram mais oito gols peixeiros na conta de Ceni, totalizando 96 em 64 duelos, elevando a média para 1,5 por partida e se distanciando do Corinthians.

ricardo oliveira artilharia

Ricardo Oliveira é um dos jogadores que mais marcou contra Ceni (Ivan Storti (SantosFC)

Outro número: Ricardo Oliveira, só com os gols feitos com a camisa do Santos, já é um dos jogadores que mais marcou contra Rogério Ceni. Contabilizando uma partida válida pelo Paulista de 2003, na qual fez um gol, e outros seis marcados na semifinal do estadual de 2015, na partida disputada no primeiro turno do Brasileiro e nas duas válidas pelas semis da Copa do Brasil, são sete tentos contra o arqueiro em seis jogos, o que o torna o terceiro que mais marcou contra Ceni, ficando atrás apenas de Dodô (10) e Romário (11). Mas é bom lembrar que Oliveira precisou de bem menos jogos para chegar a essa marca e não estão na conta os gols feitos pela Portuguesa. O artilheiro peixeiro ainda marcou na vitória por 3 a 0 pelo Brasileiro na Vila Belmiro, contra Renan.

Como o Corinthians ainda vai jogar contra o São Paulo pelo Brasileiro, pode igualar ou passar o Santos como clube que mais fez gols contra Ceni, mas dificilmente vai chegar na média peixeira.

3 Comentários

Arquivado em futebol, História, Santos, Século 21

Corinthians marcou mais gols contra Rogério Ceni, mas média do Santos é similar à do rival

No dia da partida entre São Paulo e Corinthians pela Libertadores de 2015, corintianos comentam que segue a contagem regressiva para o centésimo gol do time contra Rogério Ceni. Antes do jogo da noite desta quarta-feira (21), o Alvinegro paulistano marcou 94 vezes no ídolo tricolor, em 65 partidas disputadas.

Levando-se em conta este post no Blog do Odir, publicado após o jogo disputado entre Santos e São Paulo pelo Campeonato Paulista de 2011, um triunfo peixeiro por 2 a 0, o Peixe havia balançado as redes de Ceni 78 vezes em 51 duelos.

Pesquisando os jogos que ocorreram depois disso, tendo como base as fichas técnicas das partidas desde então, houve mais 14 encontros entre as duas equipes. No entanto, Ceni esteve ausente em quatro delas: duas vitórias alvinegras por 3 a 1, uma derrota por 3 a 2 e outra por 1 a 0. O Santos tem, jogando contra Ceni, 24 vitórias, 17 empates e 20 derrotas em um total de 61 pelejas. E marcou 88 tentos contra o goleiro, em 61 partidas.

Em termos de média de gols contra o goleiro são-paulino, Santos e Corinthians estão em situação similar. Ambos marcaram 1,44 gol contra o arqueiro, com a vantagem corintiana aparecendo apenas na casa dos milésimos: 1,446 contra 1,442.

Mas o Santos tem alguns gols históricos contra o São Paulo no período em que Ceni esteve na meta do clube do Morumbi. Relembre duas partidas abaixo:

Diego deixa Rogério Ceni de joelhos em 2002

Antes da segunda partida das quartas de final do Campeonato Brasileiro de 2002, o goleiro são-paulino e o meia Ricardinho faziam declarações à imprensa dando conta de que seu time reverteria a desvantagem de 3 a 1, derrota sofrida na Vila Belmiro. No final do vídeo abaixo é possível ver a reação de Diego e de Fábio Costa depois de nova vitória santista por 2 a 1 em pleno Morumbi.

Neymar cobra pênalti com paradinha e Robinho faz de letra em 2010

Em partida válida pelo Campeonato Paulista de 2010 disputada na Arena Barueri, um lance antológico. À época em que a paradinha era permitida, Neymar realizou uma cobrança de pênalti que jogou Rogério Ceni para o lado direito do gol, deixando a meta livre para o atacante peixeiro marcar.

Robinho faz de letra contra Rogério Ceni

Robinho faz de letra contra Rogério Ceni

O São Paulo empatou, mas Robinho entrou em campo na etapa final, fazendo sua reestreia pelo Alvinegro após ser emprestado pelo Manchester City. E, aos 40 minutos, o Rei das Pedaladas fez um golaço de letra e decretou a vitória do Peixe.

Em abril de 2010, pouco menos de dois meses após a partida, o goleiro e capitão tricolor tentou fazer um gol de pênalti usando a paradinha da qual foi vítima. Mas não deu muito certo… Confira aqui.

1 comentário

Arquivado em Ídolos, futebol, História, Santos, Século 21